IT Forum 365
IoT

Inteligência Artificial pode ser usada por todas as empresas?

Tecnologia, que revoluciona a relação entre o homem e a máquina, deve movimentar US$ 36 bilhões em produtos e serviços em 2025 e pode ser usada em todos os setores

O que antes era possível apenas em filmes de ficção científica, como robôs que desenvolvem tarefas, já está presente em companhias, centros médicos e indústrias no mundo todo por meio da Inteligência Artificial. Segundo dados da Tractica, que atua com  análise de mercado, o setor de produtos e serviços de IA atingirá
US$ 36 bilhões em 2025. “O uso da IA é a chance de o Brasil ser empreendedor e inovador, aproximando-se de países mais avançados”, diz o consultor Cezar Taurion, sócio e head de transformação digital da Kick Ventures.

Mesmo com perspectivas altas de investimento e possibilidade de ganhos para as empresas e para a economia, a tecnologia ainda gera dúvidas. Pensando nisso, o editorial da DXC Technology apurou cinco mitos e verdades sobre IA:

1. Inteligência Artificial funciona como o cérebro humano
Mito. Hoje, quando se trata de IA, os equipamentos realizam apenas tarefas específicas e relacionadas ao contexto em que se encontram. Por exemplo: um sistema de Inteligência Artificial programado para dirigir um veículo autônomo, não será bom em jogar xadrez ou fazer uma prova de história. “Um sistema que seja abrangente como o cérebro humano ainda está muito distante da realidade”, ressalta Taurion.

2. Inteligência Artificial impacta a competitividade
Verdade. Para as empresas, o uso da IA não representa um passo futurista, mas sim uma adaptação de uma realidade que pode ser decisiva para não perder espaço no mercado. De acordo com Taurion, trata-se de uma das tecnologias mais poderosas atualmente, pois a medida que evolui pode gerar mudanças significativas nos modelos de negócios, nos empregos e na forma como algumas atividades são desempenhadas.

3. Inteligência Artificial mudará o mundo em poucos anos
Mito. Segundo a consultoria americana  McKinsey, apesar de 60% das funções terem potencial de terem, pelo menos, 30% de suas atividades automatizadas, hoje apenas 5% das atividades podem ser inteiramente substituídas por tecnologia. “Nas indústrias, por exemplo, haverá a ampla substituição de trabalhos humanos, mas não agora. A tecnologia deve gerar grandes mudanças apenas daqui 20 ou 25 anos”, diz Taurion.

4. Inteligência artificial pode ser usada em várias áreas
Verdade. O uso da IA passa por todos os setores. Nas instituições bancárias, por exemplo, pode auxiliar na extração e estudo de imagens em ATMs (caixas eletrônicos), detectando atitudes suspeitas; no setor de seguros, analisar fotos de veículos acidentados, identificando as partes do carro que foram afetadas e o grau de dano; e, na área militar, pode ser embutida em drones armados e chegar a tomar decisões sobre efetuar (ou não) ataques.

5. Inteligência Artificial eliminará todos os cargos de trabalho
Mito. “A Inteligência Artificial não vai tirar o trabalho das pessoas, já que tarefas que envolvem empatia, dedicação e outros sentimentos não podem ser realizadas por máquinas”, diz Taurion. Um sistema pode, por exemplo, realizar automaticamente análises de acordos de empréstimos, atividade que consome, em média, 360 mil horas de trabalho por ano de advogados e agentes de crédito, além de fechar compras online e fazer entregas por meio de veículos autônomos, mas não pode criar estratégias.

Saiba mais:
Inteligência artificial e o impacto para a construção de cidades inteligentes
Inteligência Artificial exige um novo perfil de CIO
Futuro: 4 vantagens do uso de robôs


Imagem: Depositphotos

Comentários

Notícias Relacionadas

IT Mídia S.A.

Copyright 2016 IT Mídia S.A. Todos os direitos reservados.