IT Forum 365
Transformação digital

Transformação digital: IoT e Inteligência Artificial transformarão economias inteiras, diz estudo

Criar uma abordagem colaborativa para a segurança da informação e aumentar a responsabilidade dos profissionais que manipulam os dados são pontos cruciais nesse cenário

A implantação avançada da Internet das Coisas (Internet of Things, ou IoT) e Inteligência Artificial, frutos da transformação digital, transformará economias e sociedades inteiras nos próximos anos por meio da automação e da convergência entre os mundos físico e digital. É o que aponta pesquisa feita pela Internet Society (ISOC), organização global sem fins lucrativos, dedicada ao desenvolvimento aberto da internet. Denominado Os caminhos para o Futuro Digital, o relatório analisa as tendências e tecnologias da transformação digital que vão moldar o futuro – em torno de sete anos  -, e  explora como as ciberameaças e padrões de internet vão impactar a liberdade, os direitos pessoais, a mídia, o governo e a sociedade.


Nesse cenário, as atribuições do CIO também devem se transformar, como explica Marcia Oliveira, consultora de carreira sênior da Produtive. “O CIO deve participar, efetivamente, da construção da estratégia do negócio”, explica. Segundo ela, isso significa auxiliar no treinamento de equipes, elaborar políticas de segurança e possuir uma visão mais ampla do negócio, trabalhando lado a lado com o CEO e os principais diretores da empresa. “Ele [CIO] precisa construir uma nova imagem para ganhar confiança e influência nas áreas estratégicas da companhia. Para isso, é importante conhecer, além de tecnologia, metodologias relacionadas à negócios, gestão, finanças e marketing”, ressalta.

Veja, a seguir, as principais previsões:

Iot e IA podem dar origem a uma sociedade de vigilância

Internet das Coisas e Inteligência Artificial são tecnologias com enorme potencial para simplificar e melhorar a vida das pessoas e empresas, mas, para isso, precisam ser usadas com ética e responsabilidade. Como reúnem uma grande quantidade de dados e informações pessoais, corre-se o risco de que, sem o controle e proteção adequados, surjam sociedades de vigilância e sem o mínimo de privacidade.

A Internet pode tornar os governos mais poderosos

Ao mesmo tempo em que os governos se tornam mais responsáveis perante aos cidadãos, graças à transparência e ao livre fluxo de comunicações que a Internet traz, novas ferramentas que ameaçam os direitos fundamentais também estão disponíveis a eles. À medida que a internet “empodera” cidadãos, as tentações para os governos desligarem a Internet ou negarem o acesso vão crescer.

A preocupação com segurança poderá ser prejudicial para a liberdade

Em torno de três anos, questões relacionadas à proteção de dados e segurança cibernética vão impulsionar debates sobre a governança da Internet. Com isso, os governos serão pressionados a tomarem decisões que podem prejudicar a governança global, aberta e distribuída da internet, além da liberdade online e direitos pessoais. Sem uma mudança de curso, as liberdades online podem estar perto de um ponto de declínio irreversível.

As divisões digitais irão mudar

À medida que a internet transforma todos os setores da economia, as divisões digitais do futuro não vão estar relacionadas apenas ao acesso da internet, mas também à lacuna entre as oportunidades econômicas disponíveis para cada um. O vínculo entre segurança e prosperidade econômica crescerá, levando ao potencial de uma divisão de segurança que separa aqueles indivíduos ou países que podem proteger seus ativos digitais daqueles que não podem.

Neste cenário, o estudo descreve algumas recomendações-chaves para que as empresas se protejam – e se adaptem – ao futuro digital, como construir redes fortes, seguras e resilientes;  criar uma abordagem colaborativa para a segurança da informação e aumentar a responsabilidade dos profissionais que manipulam os dados; estipular que os interesses dos usuários estão em primeiro lugar, antes de seus próprios dados; e agir agora para fechar as divisões digitais. De acordo com o estudo, com uma economia hiperconectada, a transformação digital tomará conta de hospitais, empresas de transportes, bancos e escolas – e aqueles que se adaptarem a essas mudanças serão bem-sucedidos.

Saiba mais:

Como fica a segurança da informação com IoT?
Robótica: 3 pilares cruciais para criar uma estratégia efetiva
Inteligência artificial e o impacto para a construção de cidades inteligentes

Imagem: Depositphotos

Comentários

Notícias Relacionadas

IT Mídia S.A.

Copyright 2016 IT Mídia S.A. Todos os direitos reservados.